Ontem, a empresa afirmou que “não há evidências de qualquer hackeamento” no aplicativo no caso das mensagens vazadas entre Moro e membros da Lava Jato.

Ah tá, vou acreditar!

Leia mais:

https://www.oantagonista.com/brasil/apos-mensagens-vazadas-telegram-informa-que-sofreu-poderoso-ataque-e-alerta-usuarios/

Veja a resposta do Telegram sobre o ataque nas contas de Moro e Deltan:

Anúncios