O MBL através do seu coordenador nacional disse para o ESTADÃO o seguinte: “O NAS RUAS é adesista e puxa saco do governo”.

Segue o que respondemos por escrito para a Repórter do ESTADAO e a matéria na íntegra:

“”De certa forma o comentário do MBL está certo pois o Movimento NAS RUAS apoia as medidas propositivas do governo. Tivemos 12 meses do governo Federal sem nenhum caso de corrupção e com diversos avanços em vários indicadores econômicos, queda no desemprego, queda da taxas de juros, queda na criminalidade entre várias outras medidas positivas que ocorreram no primeiro ano do Governo Bolsonaro. Logicamente se tiver algo que a gente não aprove ou contra o Brasil iremos também criticar. O Brasil precisa dar certo e o governo está tomando as medidas corretas para esse objetivo.

Nós do NasRuas não estamos preocupados com o andar da carruagem dos outros movimentos. A nossa preocupação desde 2011 é combater a corrupção.””

Marcos Bellizia e Tome Abduch

Movimento NAS RUAS

https://politica.estadao.com.br/noticias/geral,longe-das-ruas-mbl-negocia-candidatura-com-tres-partidos-em-sao-paulo,70003142512

2 comentários sobre “O MBL através do seu coordenador nacional disse para o ESTADÃO o seguinte: “O NAS RUAS é adesista e puxa saco do governo”.”

  1. Falou bem. O país tem tudo para dar certo. Precisa dos ladrões na cadeia e o povo brasileiro tomar vergonha e aprender a votar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.