Empresa de Lulinha recebeu R$ 103 milhões, aponta laudo da PF na Lava Jato

SÃO PAULO – Os principais financiadores da Gamecorp, empresa que pertence a um dos filhos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, injetara ao menos R$ 103 milhões na companhia, segundo um laudo elaborado na Operação Lava Jato obtido pelo jornal Folha de S. Paulo. A cervejaria Petrópolis e empresas ligadas à Oi são os principais remetentes desses recursos. A Oi Móvel e a Telemar Internet, ligadas à empresa de telefonia, colocaram cerca de R$ 82 milhões na empresa, em valores não corrigidos.

Em 2005, a Oi já tinha investido R$ 5,2 milhões na Gamecorp. A Polícia Federal e o Ministério Público chegaram a investigar o aporte na época, mas arquivaram as apurações em 2012.

https://www.infomoney.com.br/politica/empresa-de-lulinha-recebeu-r-103-milhoes-aponta-laudo-da-pf-na-lava-jato/

Um comentário sobre “Empresa de Lulinha recebeu R$ 103 milhões, aponta laudo da PF na Lava Jato”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.