Decapitaram a estátua de Cristóvão Colombo em Boston.

A estátua do famoso navegador que decora um parque no bairro italiano de Boston foi vandalizada no dia 10/06/20.

Um defensor da estátua disse aos jornalistas: “Irão agora cancelar o Thanksgiving Day? Irão cancelar o 4th of July?”, em menção aos feriados americanos do Dia de Ações de Graças e dia da Independência.

Em contrapartida, grupos de indígenas apoiavam a retirada da estátua, acusando Colombo de genocida.

O prefeito de Boston, Martin Walsh (descendência irlandesa) disse que não irá retornar com a estátua, pelo menos por enquanto.

Em outras cidades dos Estados Unidos, especialmente na região sul, várias estátuas de soldados confederados que lutaram na guerra civil também estão sendo removidas ou destruídas.

Como consequência dos protestos atuais, o canal de filmes HBO retirou de sua programação o filme “E o vento levou” por “apoiar” a escravidão.

Estão retirando ou demolindo estátuas em várias cidades. Nomes de quartéis militares sendo alterados. Existe um movimento em Boston pedindo que os nomes de Ruas e Praças sejam renomeadas de “pessoas brancas” para “pessoas negras” ou “locais africanos”.

3 comentários sobre “Decapitaram a estátua de Cristóvão Colombo em Boston.”

  1. Em qlqr circunstancia, se existe quem seja contra e quem seja a favor, o assunto deveria ser debatido, p se chegar a um consenso, nao decapitar, quebrar, ser retirada antes do resultado dessa conversa! É uma democracia ou ditadura de alguns?

  2. Absurdo isso de decaptar estátua, proibir clássicos do cinema. A história seja ela boa ou má, é a história, não pode ser cancelada. Os hebreus foram escravos no Egito, na Babilônia e não eram negros.A esquerda está armando essa divisão entre cor de pele, opção sexual, etc. para desorganizar o mundo e poderem voltar.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.