Seria culpa do STF ou CNJ? Jovem de 18 anos foi morta por presidiário em Poços de Caldas MG.

Corpo de jovem desaparecida é encontrado e presidiário solto durante pandemia confessa crime de Jenifer Hugo.

Polícia Civil de Poços de Caldas (MG) esclareceu em entrevista coletiva nesta quinta-feira (23) os fatos apurados durante as investigações de estupro e morte de uma jovem de 18 anos. Presidiário confessou crimes.

Ele estava solto devido a liberdade provisória obtida junto ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em razão da pandemia do novo coronavírus. A ficha criminal dele agora contabiliza cinco casos de estupro.

https://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/2020/04/23/presidiario-solto-durante-pandemia-confessa-crime-e-acumula-ficha-de-cinco-estupros.ghtml

Um comentário sobre “Seria culpa do STF ou CNJ? Jovem de 18 anos foi morta por presidiário em Poços de Caldas MG.”

  1. Êsse CNJ não vale nada, e precisa ser extinto pois só beneficia bandidos. Chega de proteger a bandidagem !

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.