Crusoé x IntercePT: Pau que deu em Chico não dá em Francisco

Qual é o problema com o alto escalão do Judiciário brasileiro?
Tempos atrás, a revista Crusoé publicou um artigo dizendo que o nome do ministro Dias Toffoli foi citado durante uma troca de emails entre executivos da Odebrecht.
Toffoli se irritou e acionou o ministro Alexandre de Moraes … a partir daí, iniciou-se uma caçada contra a revista, que foi censurada, processada, multada, enfim, até a PF foi acionada para cumprir mandatos de busca e apreensão.
Ressaltando que a Crusoé não agiu de forma ilegal … não obteve documentos de maneira criminosa.
Pois bem …
Há cerca de duas semanas, o site The IntercePT tem provocado uma anarquia generalizada no país fazendo uma espécie de chantagem ao reter mensagens e áudios obtidos ilegalmente através do hackeamento de celulares de agentes públicos (juízes, promotores, políticos e sabe-se lá mais quem).
Se a intenção do jornalista fosse realmente ajudar o país ou ‘fazer justiça’, o mesmo já teria procurado a PF e o Ministério Público e entregado uma cópia dessas supostas provas (*** obtidas de maneira ilegal ***)
Mas não … o ativista, travestido de jornalista, está fazendo todo um país refém de algo que ‘supostamente teria ocorrido’ … em outras palavras, Greenwald está conspirando contra uma Nação.
Agora a(s) pergunta(s):
“Porque é que o STF, especificamente os ministros Toffoli e Moraes, não agem da mesma maneira que agiram com a Revista Crusoé?”
“Porque é que esses ministros não abrem um inquérito e colocam a PF para ‘chutar as portas’, como foi feito com a Crusoé?”
“Porque é que os ministros não censuram as matérias do site The IntercePT?”
“Porque é que o jornalista Glen Greenwald não foi conduzido ‘sob vara’ para depor sobre o caso?”

5 comentários sobre “Crusoé x IntercePT: Pau que deu em Chico não dá em Francisco”

  1. As repostas são simples ao meu entender: Porque o Ministro em questão continua sendo um advogado do PT. foi colocado la não por competência, mas para defender os interesses de seus asseclas.

  2. Uma vergonha. Esse Ministro veste vermelho. Até quando teremos que suportar parte desse SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL?.

  3. No minimo este jornalista de quinta categoria deveria responder por divulgar algo que não pode ser comprovado e por ser cúmplice de um crime.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.