O Ministério da Justiça e Segurança Pública negou, às 15h14 de hoje, que o ministro Sergio Moro tenha pedido demissão ao presidente Jair Bolsonaro.
A PF tem que investigar urgentemente quem está lucrando com a queda da bolsa de valores.